quarta-feira, 16 de novembro de 2011

VENTANIA

O vento sopra trazendo o cheiro do mar, e enchendo-me de paz.
Ah! poderoso vento da minha alma...
Revolve o mar, retorce as árvores, e canta sobre a terra.
Seu canto é profundo, eleva o meu ser.
Tímidos pingos caem no chão, e com eles o gostoso cheiro de terra molhada.
E cai a chuva! molhando a terra, molhando meus pés, lavando a minha alma....
Engrandecendo meu espírito sobre o universo!

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

SEGREDOS DA NOITE




Silencio...
Ouço apenas a chuva e meu coração.
Depois o sussurro da noite, bem baixinho...tão suave.
Sinto gelar o coração, não, não é medo do escuro, este já não assusta mais.
É o seu toque, como de um amante que sabe exatamente seu ponto fraco!
E meu pensamento é como uma libélula que voa através dos mundos a me revelar os segredo da noite.
Pelos teus olhos vejo os segredos dos amantes na madrugada, os pensamentos de amor não revelados, os solitários que passam a noite em claro...
A chuva é mais suave agora, e bem mais forte o som do meu coração.
E o calor dos teus braços me trazem de volta ao nosso mundo
Onde é tão gostoso dormir no aconchego do teu abraço...!